Retrato Rio Teste Topo
21/03/2018

Puppi apresenta novo álbum “Marinheiro de Terra Firme” no Teatro Ipanema

Em formato solo, o artista italiano se divide entre cello elétrico e controladores eletrônicos

Puppi | Retrato: Van Campos
Ipanema vai navegar em novos mares em abril. O músico italiano radicado no Brasil Federico Puppi apresenta aos cariocas o álbum “Marinheiro de Terra Firme”. O disco, que teve a participação de Milton Nascimento, reúne influências que vão do clássico ao jazz passando pela eletrônica e world music. Os convidados especiais são Laila Garin (voz), Schwab (didgeridoo) e Ivo de Carvalho (voz). A apresentação acontece no Teatro Ipanema às 20h30, em 06/04 (sexta-feira). Os ingressos custam R$40 (inteira) e R$20 (meia-entrada).

O violoncelista Federico Puppi sobe ao palco do Teatro Ipanema para tocar as faixas de “Marinheiro de Terra Firme”, segundo álbum da carreira. O registro de 13 músicas é um convite a navegar entre sons e experimentações - como nos dois singles “Em Direção Obstinada e Contrária” e “Ciranda dos Náufragos”, e na canção “Capitão do Mar”, que tem a forte voz de Milton Nascimento. O show valoriza todo o talento do instrumentista, dono de uma técnica refinada e uma vontade incontrolável de se reinventar, e é dirigido por Suzana Nascimento. Em um formato único, o artista se desdobra entre o cello elétrico e o live electronic, com laptop e controladores.

No novo álbum, Puppi ousa e prova que é possível unir Beethoven com drum n’ bass ou falar sobre imigração em um contexto de música pop instrumental. Como produtor, ele também já trabalhou ao lado de Maria Gadú no disco “Guelã”, indicado ao Grammy Latino. Em 2015, lançou o elogiado disco de estreia “Canto da Madeira”. “Marinheiro de Terra Firme” foi gravado em 2017 e é um lançamento via selo Sagitta Records.







STES
RODAPE SITE1
retratorio

© Retrato Rio. Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Rique Botelho